OE2023: Governo estuda melhoria da disponibilização de bombas de insulina

23/11/22
OE2023: Governo estuda melhoria da disponibilização de bombas de insulina

A proposta de criação de um grupo de trabalho para estudar a melhoria de disponibilização de bombas de insulina foi aprovada esta terça-feira, 22 de novembro, no parlamento. A medida, apresentada pelo partido Livre, integra o Orçamento do Estado para 2023 (OE2023).

A proposta foi aprovada por unanimidade na Comissão de Orçamento e Finanças (COF), no parlamento, no âmbito das votações das propostas de alteração ao OE2023.

“O Governo, através da criação de um grupo de trabalho, estuda um mecanismo de melhoria de acessibilidade e de comparticipação de sistemas de perfusão subcutânea contínua de insulina para pessoas com diabetes tipo 1, dando prioridade a crianças e jovens e outras pessoas especialmente vulneráveis e apostando em sessões de formação para as pessoas beneficiárias, familiares e cuidadoras”, pode ler-se na proposta.

O deputado único do Livre, Dr. Rui Tavares, justificou que se estima que existam cerca de 15 mil pessoas em Portugal com diabetes tipo 1 e elegíveis para a utilização de sistemas de bombas de perfusão subcutânea contínua de insulina.

“A gratuitidade de acesso a estes dispositivos trará independência e uma melhoria da qualidade de vida às pessoas beneficiárias, já que inclusivamente potenciará maior eficácia no controlo metabólico, diminuição de risco acrescido de doenças oportunistas e consequente aumento de esperança de vida”, acrescenta a proposta.

Partilhar

Publicações